quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Os perigos dos refrigerantes


      O refrigerante é uma bebida rica em corantes e conservantes que contém grande quantidade de açúcar, exceto nas versões light e diet que apresentam menor quantidade. Possui aroma sintético de fruta e gás carbônico. O refrigerante surgiu em 1676 em Paris, numa empresa que misturou água, sumo de limão e açúcar.
Naquela época, não havia ainda descoberto a água misturada ao gás carbônico. Em 1772, Joseph Priestley realizou experiências acrescentando gás em líquidos, mas foi somente comercializado em 1830. Nessa época, os farmacêuticos tentavam associar ingredientes curativos às bebidas gaseificadas.
Em 1886, o farmacêutico John Pemberton de Atlanta criou uma mistura de cor caramelo e juntou a água carbonatada (gasosa). Frank Robinson, contador de Pemberton batizou a bebida de Coca-Cola e escreveu a próprio punho. A partir daí, o nome da bebida passou a ser escrito da forma com que o recebeu de Robinson. Era vendida na farmácia por USD 0,05 para ajudar na digestão. Chegou ao Brasil em 1941, sendo produzida na cidade de Recife.
Em 28 de agosto de 1898, o farmacêutico Caleb Bradham criou a Pepsi-Cola na Carolina do Norte com a finalidade de revigorar, rejuvenescer e ajudar na digestão. Seu nome foi tirado com base em seus principais ingredientes, a pepsina e as nozes de cola. Chegou ao Brasil em 1953 e desde então é um dos refrigerantes mais consumidos.
Os refrigerantes podem ser classificados como:
• Refrigerante à base de sumo de frutas com quantidade mínima de sumo de uma ou de várias frutas.
• Refrigerante à base de extratos vegetais dissolvidos em água com aromatizantes podendo haver ou não sumo e outros ingredientes vegetais.
• Refrigerante à base de aromatizantes onde são dissolvidos os aromas, sumos, açúcares, dióxido de carbono, acidulantes e antioxidantes.
O REFRIGERANTE É UMA BEBIDA RICA EM CORANTES E CONSERVANTES, QUE CONTÉM GRANDE QUANTIDADE DE AÇÚCAR  EXCETO NAS VERSÕES LIGHT E DIET, POSSUI AROMA SINTÉTICO DE FRUTA E GÁS CARBÔNICO .
O REFRIGERANTE SURGIU EM 1676, EM PARIS,NUMA EMPRESA QUE MISTUROU ÁGUA ,SUCO DE LIMÃO E AÇÚCAR  NAQUELA ÉPOCA AINDA NÃO HAVIAM DESCOBERTO A ÁGUA MISTURADA AO GÁS CARBÔNICO (O QUE OCORREU EM 1830).
EM 1886,O FARMACÊUTICO JONH PEMBERTONN DE ATLANTA, (EUA) CRIOU UMA MISTURA DE COR CARAMELO E JUNTOU ÀGUA CARBONATADA(GASOSA).
A BEBIDA,UTILIZADA COMO MEDICAMENTO,FOI BATIZADA PELO CONTADOR FRANK ROBINSON COMO COCA-COLA.
EM 1898, O  FARMACÊUTICO CALEB BRADHAM CRIOU A PEPSI-COLA NA CAROLINA DO NORTE,COM O OBJETIVO DE REVIGORAR A DIGESTÃO,O NOME FOI BASEADO NOS PRINCIPAIS COMPONENTES: A PEPSINA E AS NOZES DA COLA .
NÃO HÁ ESTUDOS QUE COMPROVEM A RELAÇÃO DIRETA ENTRE O APARECIMENTO DA CELULITE E O CONSUMO DO REFRIGERANTE,MAS CLARO QUE, ASSOCIADOS A UMA MÁ ALIMENTAÇÃO, ELES CONTRIBUEM (E MUITO )


Os refrigerantes produzem uma verdadeira revolução no organismo e, em apenas uma hora, conseguem alterar a pressão, levar embora nutrientes essenciais para o organismo e ainda ajudam o corpo a acumular gordura.
Açúcar, corantes, conservantes e cafeína, esses são os principais ingredientes encontrados nos refrigerantes.
      E você sabe o que acontece com o seu organismo ao ingerir esta bebida? Vou detalhar o que ocorre ao beber uma lata de refrigerante, na primeira hora após a ingestão.

Você já ouviu alguém dizendo que Coca-cola faz mal pra saúde e para os ossos não é? Então veja o que acontece mesmo quando você toma uma latinha de refrigerante!
Primeiros 10 minutos:
10 colheres de chá de açúcar batem no seu corpo, 100% do recomendado diariamente.
Você não vomita imediatamente pelo doce extremo, porque o ácido fosfórico corta o gosto.
20 minutos:
O nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina.
O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura (É muito para este momento em particular).
40 minutos:
A absorção de cafeína está completa.
Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente.
Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras.
45 minutos:
O corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo. (Fisicamente, funciona como com a heroína..)
50 minutos:
O ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo.
As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina, ou seja, está urinando seus ossos, uma das causas das OSTEOPOROSE.
60 minutos:
As propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina.
Agora é garantido que colocará para fora cálcio, magnésio e zinco, os quais seus ossos precisariam..
Conforme a onda abaixa você sofrerá um choque de açúcar. Ficará irritadiço.
Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter posto para fora, junto, coisas das quais farão falta ao seu organismo.
5 motivos para parar de tomar refrigerantes 

Versão com açúcar 

1) Um copo de refrigerante de 200 ml contém duas colheres de sopa de açúcar. O açúcar é um alimento que dá uma falsa informação de que o corpo está recebendo nutrientes, fazendo com que o corpo mobilize uma série de enzimas (feitas a partir de vitaminas) para " aproveitar" a suposta energia vinda do açúcar. Só que o açúcar não tem nada de vitaminas, minerais ou qualquer outro nutriente, então o que acontece? O corpo o acumula sob forma de gordura, além de queimar vitaminas e minerais do organismo. "Resumindo, o açúcar desnutre e intoxica no lugar de alimentar", diz a nutricionista. 

Versão sem açúcar 

2) A versão diet ou zero dos refrigerantes costuma oferecer mais cafeína, quanto mais cafeína, mais adrenalina. E para manter níveis adequados de glicemia com tanto estímulo, o cérebro passa a "pedir" mais carboidratos e açúcar, formando um círculo vicioso. 

3) Esse tipo de bebida contém vários adoçantes que nada contribuem para nossa saúde, vão provocar a queima de vitaminas e minerais para serem eliminados pelo organismo. 

4) Refrigerantes diet ou zero contêm ácido fosfórico, que compete com o cálcio reduzindo sua absorção, podendo comprometer a manutenção da massa óssea, o que é péssimo para as mulheres quando chegar a menopausa. 

5) Apresentam teor altíssimo de sódio, o que causa retenção de líquidos, elimina cálcio e reduz a disponibilidade de magnésio. A falta de magnésio na circulação leva a maior formação de gordura corporal. 

Águas com gás e sabor 

Se está pensando em substituir o refrigerante por estas águas com sabor que têm sido a vedete do momento, pode esquecer! Elas também possuem grandes quantidades de sódio na sua composição. Na dúvida melhor ler os rótulos! 

Sugestões para reduzir o consumo 

● Suba em uma balança e pese-se, descreva como se sente neste dia (disposição física, intestino, pés e mãos, bem estar geral). 

● A partir deste dia, substitua todo o consumo de refrigerante por água, água de coco, suco sem adição de açúcar, chás de ervas, chá de mate gelado. Adoce com estévia para deixá-lo mais saboroso. 
● Após 7 dias pese-se novamente na mesma balança e anote como se sente. 
O REFRIGERANTE NO ORGANISMO APÓS SUA INGESTÃO



CURIOSIDADES SOBRE OS REFRIGERANTES 
O refrigerante com gás foi inventado na Inglaterra no século XVII. A primeira indústria de refrigerantes, no entanto, só surgiria nos Estados Unidos cem anos depois (por volta de 1870).

O farmacêutico John Styth Pemberton gastou apenas 74 dólares para criar a fórmula da Coca-Cola, em 1886. A Coca-Cola teve prejuízo em seu primeiro ano de operação, período em que foram vendidos apenas nove copos por dia do refrigerante.

A Coca-Cola só começou a ser vendida em lata de alumínio em 1955, ou seja, quase 70 anos depois da sua criação.

Depois dos Estados Unidos, os primeiros países a comercializarem a Coca foram Canadá, México e Cuba. Anos mais tarde, o refrigerante foi proibido pelo regime cubano de Fidel Castro.

A Coca-Cola é comercializada em mais de 200 países e é líder em vendas na maioria deles.

A cada 10 segundos, 126 mil pessoas tomam algum produto da Coca-Cola. 

São consumidos 1,4 bilhão de copos de Coca-Cola todos os dias no mundo inteiro. E pensar que eram apenas nove copos no início.

Quantas garrafas são vendidas por dia? Acredite, são 900 milhões de garrafas vendidas diariamente no mundo todo.

A Fanta foi criada na Alemanha na época da Segunda Guerra Mundial. Surgiu para substítuir a Coca-Cola, cujos ingredientes estavam em falta. O primeiro sabor foi o de Malte. A conhecida e difundida Fanta laranja só surgiu 14 anos depois, em 1955.

Os únicos sabores da Fanta conhecidos pelos brasileiros são os de laranja e uva. Até há alguns anos atrás, eram comercializadas as Fantas limão e guaraná. A Fanta sabor maçã chegou a ser lançada no país, mas teve as vendas suspensas por causa da baixa aceitação.

Existem ao redor do mundo os mais variados sabores de Fanta: melão (comercializada em Israel), maracujá (Portugal), morango (Estados Unidos), cassis (Nova Zelândia), laranja com chocolate (Austrália), iogurte (a japonesa "Fanta Moo Moo White") e leite (Hong Kong). São, acredite, 92 sabores diferentes.

A Pepsi foi criada nos Estados Unidos em 1898 por Caleb Bradham. Na época, era vendida como digestive e estimulante. 

A Pepsi chegou ao Brasil mais ou menos na mesma época que a Coca-Cola, na década de 1940.

A Pepsi vendeu um único produto durante 65 anos: o próprio refrigerante Pepsi. Só mais tarde foi lançada a Pepsi Light, Pepsi Twist…

O logotipo de Pepsi foi durante 50 anos parecido com o da Coca-Cola.

A Pepsi era um dos refrigerantes mais vendidos na antiga União Soviética. Aliás, a Pepsi foi uma das poucas empresas norte-americanas presentes no antigo bloco comunista.

A empresa multinacional Pepsico é proprietária das marcas Pepsi, Quaker, Toddy, Coqueiro, Gatorade, Lipton, Elma Chips, Kero Coco e Mabel (fabricante de biscoitos).

O refrigerante de guaraná da marca Antarctica existe desde 1921.

A matéria-prima do guaraná Antarctica – quer dizer, a própria fruta guaraná – sempre foi produzida na região de Maués, no estado do Amazonas.

A marca Guaraná Antarctica começou a se internacionalizar no final dos anos 80, quando passou a ser vendida para os Estados Unidos, Portugal, Japão e China. Hoje, ela está presente em mais de 20 países.

O refrigerante de tutti-fruti Tubaína nasceu na cidade paulista de Jundiaí. Hoje, inúmeras marcas de refrigerantes de tutti-fruti são também chamadas de Tubaína.

A marca de refrigerantes Cini (fabricados pela Hugo Cini Bebidas, de São José dos Pinhais) é muito popular no estado do Paraná. Além do Cini Cola, Cini Limão e Cini Guaraná, a marca possui refrigerantes nos sabores abacaxi, framboesa e gengibre.

Refrigerante de gengibre? Fabricado pela Cini no Paraná, o GengiBirra pode ter um sabor estranho para a maioria dos brasileiros, mas não para os habitantes de alguns países. Os refrigerantes à base de gengibre são comuns em outros países. A famosa marca de águas e refrigerantes Schweppes vende uma bebida de gengibre, a Schweppes Ginger Ale, nos Estados Unidos, Canadá e Europa.

Refrigerantes de abacaxi são vendidos em estados como São Paulo (da marca Convenção), Paraná (Cini) e Minas Gerais (Frutti), entre outros. Detalhe: são todos de marcas regionais. 

Fabricado em Blumenau (SC) pela empresa Thomsen, o Thom é um refrigerante no sabor laranjinha – uma fruta mais ácida do que a laranja comum.

Já ouviu falar no guaraná Jesus? Fabricado no Maranhão, o guaraná Jesus é muito popular nas regiões Nordeste e Norte do país. Detalhe: é um refrigerante rosa.

E no Inca Kola, você já ouviu falar? O Inca Kola é um refrigerante do tipo cola vendido nos países andinos. 

No Oriente Médio, a moda é beber o Meca Cola.

Também vendido nos Estados Unidos, o Pibb é um refrigerante sabor canela.

Os refrigerantes de sabor baunilha (chamado também de vanilla) são populares em países como os Estados Unidos. Tanto a Coca-Cola quanto a Pepsi vendem produtos com baunilha.

Nessa você nunca ouviu falar: vendido nos Estados Unidos, o Canna Cola é um refrigerante sabor cola que leva maconha nos ingredientes.

Outro refrigerante bizarro é a Pepsi Cucumber, uma bebida lançada no Japão com sabor de pepino.

Essa é mais estranha ainda: o Eel Soda é um refrigerante oriental com sabor (blaaargh!!) frutos do mar.

E que tal um refrigerante sabor água de salada? Pois é, o Water Salad Coke (fabricante: Coca-Cola) é uma bebida japonesa com gosto daquela águinha que sempre sobra no fundo da saladeira (vide imagem acima).

Como o próprio nome indica, o Bacon Jones tem sabor de… bacon!

Mas nada como o Gau Jal, uma bebida vendida na Índia no estranho e bizarro sabor de urina de vaca – animal considerado sagrado pelos hindus

Um comentário:

Blogger disse...

Do you love Pepsi or Coca-Cola?
SUBMIT YOUR ANSWER and you could get a prepaid VISA gift card!